Análise do impacto de uma ação em educação em saúde sobre doenças sexualmente transmissíveis (DST) em uma escola de formação de professores: projeto de pesquisa

Autores

  • Paula Santos Brandão Centro Universitário de Volta Redonda, Volta Redonda, RJ - UniFOA.
  • Bruna Medeiros Centro Universitário de Volta Redonda, Volta Redonda, RJ - UniFOA.
  • Sérgio de Souza Marques Júnior Centro Universitário de Volta Redonda, Volta Redonda, RJ - UniFOA.
  • João Paulo Ribeiro Centro Universitário de Volta Redonda, Volta Redonda, RJ - UniFOA.
  • Marcel Junqueira Guimarães Centro Universitário de Volta Redonda, Volta Redonda, RJ - UniFOA.
  • Marise Ramos de Souza Oliveira Centro Universitário de Volta Redonda, Volta Redonda, RJ - UniFOA.
  • Cristiane Gorgati Guidoreni Centro Universitário de Volta Redonda, Volta Redonda, RJ - UniFOA.
  • Angela Schachter Guidoreni Centro Universitário de Volta Redonda, Volta Redonda, RJ - UniFOA.

Palavras-chave:

Educação em saúde, doenças sexualmente transmissíveis, prevenção em saúde

Resumo

Introdução: As doenças sexualmente transmissíveis, embora amplamente divulgadas em instituições educacionais e nos meios de comunicação, ainda se apresentam preocupantes no que diz respeito à alta incidência na população brasileira. A partir do entendimento de que, atualmente, é ampla a difusão de tais conhecimentos e reconhecendo os profissionais de saúde e educação como mediadores importantes da construção do saber em saúde, indaga-se a efetividade das ações em educação em saúde, principalmente quanto à prevenção das DST, não só para a população, mas também àqueles que multiplicam o conhecimento e contribuem na formação de cidadãos. Objetivos: Conhecer o impacto da atividade de educação em saúde sobre DST em estudantes do Curso de Formação de Professores, em uma escola de Volta Redonda. Objetivos específicos: Aplicar um questionário fechado (pré-teste) para verificar o entendimento dos estudantes de um curso de Formação de Professores numa escola de Volta Redonda, sobre as DST; analisar as respostas dadas no questionário para verificar a necessidade de correções e melhorar a qualidade das informações; desenvolver uma palestra mediadora e participativa, a partir das respostas dadas com esclarecimentos sobre o assunto; aplicar um questionário fechado (pós-teste) para verificar que entendimento os estudantes de um curso de Formação de Professores numa escola de Volta Redonda, possuem sobre as DST; comparar os questionários pré e pós-testes. Metodologia: Para o estudo, serão empregados, como ferramenta, dois questionários fechados (pré e pós-testes) com perguntas simples sobre doenças sexualmente transmissíveis (DST), a ser respondido pelos estudantes de um curso de Formação de Professores de uma escola em Volta Redonda. Em data agendada, será aplicado o questionário pré-teste, que será analisado e, a partir das respostas obtidas, será montada a atividade em Educação e Saúde com os pontos de menor acerto. Ao final da atividade, será aplicado o questionário pós-teste que será comparado com os resultados do pré-teste para verificação de melhoria do entendimento. Metas: Atingir 80% dos estudantes presentes na palestra; alcançar 50% de melhoria nos acertos ao responderem o questionário pós-teste; caso a segunda meta não seja alcançada, repetir a ação.

Referências

BRASIL. Manual de Controle das Doenças Sexualmente Transmissíveis. Ministério da Saúde. 3. ed. Brasília (DF): Ministério da Saúde; 1999. p. 44-54.

DEPARTAMENTO DE DST/AIDS E HEPATITES VIRAIS. O que são DST? In: Brasil, portal da informação. Web site, 2015. Disponível em: <http://www.aids.gov.br/pagina/o-que-sao-dst.> Acesso em: 05 maio 2015.

INCA. Instituto Nacional do Câncer. HPV e câncer, perguntas mais frequentes. 2015. Web site. Disponível em: <http://www1.inca.gov.br/conteudo_view.asp?id=26870.> Acesso em: 05 maio 2015.

MOROSINI, M. V., FONSECA, A. F., PEREIRA, I. B. Educação em Saúde. Dicionário da Educação Profissional em Saúde. Escola Politécnica de Saúde Joaquim Venâncio/ FIOCRUZ, 2009. Disponível em: <http://www.epsjv.fiocruz.br/dicionario /verbetes/edusau.html.> Acesso em: 21 abr. 2015.

Downloads

Publicado

15-05-2015

Como Citar

Santos Brandão, P., Medeiros, B., de Souza Marques Júnior, S., Ribeiro, J. P., Junqueira Guimarães, M., Ramos de Souza Oliveira, M., Gorgati Guidoreni, C., & Schachter Guidoreni, A. (2015). Análise do impacto de uma ação em educação em saúde sobre doenças sexualmente transmissíveis (DST) em uma escola de formação de professores: projeto de pesquisa. Congresso Médico Acadêmico UniFOA. Recuperado de https://conferencias.unifoa.edu.br/congresso-medvr/article/view/647

Edição

Seção

Resumos simples

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)

Artigos Semelhantes

Você também pode iniciar uma pesquisa avançada por similaridade para este artigo.