Uma visão biologicista sobre educação alimentar e nutricional

representações sociais e concepções de professores de ciências e biologia da rede pública de Barra Mansa/RJ

Autores

Palavras-chave:

Educação nutricional, Obesidade, Alimentação saudável, Hábitos alimentares

Resumo

Este  estudo teve como objetivo descrever as concepções e as representações sociais de professores de ciências e biologia da rede pública do município de Barra Mansa – RJ, sobre alimentos e alimentação. Trata-se de um trabalho exploratório descritivo, de caráter qualitativo e para sua realização foram entrevistados 11 participantes de ambos os gêneros, por meio de questionário aberto e semiestruturado. Para realização de tal entrevista foi recolhida autorização dos docentes pela assinatura do Termo de Consentimento Livre e Esclarecido (TCLE) e as entrevistas foram gravadas em áudio e transcritas posteriormente, para melhor análise dos discursos. Os resultados dos dados são apresentados a seguir e a partir deles afloram as categorias: aspectos ambientais, psicossociais e hedonismo inerente à formação dos hábitos alimentares; concepções sobre alimento e alimentação contadas por uma visão biologicista do ato de comer; distúrbios do metabolismo e consumo de produtos industrializados influenciados pela mídia; mediações nas relações de ensino aprendizagem influenciadas pelo conhecimento alimentar do docente e pelos recursos didáticos por meio dos relatos dos professores acerca de sua alimentação cotidiana. Portanto, conclui-se ser necessário realizar atividades pedagógicas e educativas para capacitação, problematização e reflexão.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

BOURDIEU, PIERRE. Esboço de uma Teoria da Prática. In: ORTIZ, Renato (Org.).A sociologia de Pierre Bourdieu, São Paulo: Editora Ática, n. 39, p. 46-86. Coleção Grandes Cientistas Sociais, 1994.

. Ministério da Educação. Lei 13.666 de 16 de maio de 2018. Altera a Lei nº 9.394, de 20 de dezembro de 1996 (Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional), para incluir o tema transversal da educação alimentar e nutricional no currículo escolar. Brasília: Diário Oficial da União, 1996.

. Ministério da Educação. Secretária de Educação Básica. Temas contemporâneos transversais na BNCC / contexto histórico e pressuposto pedagógicos – Brasília, Mec, 2019.

CRAVALHO, M. C. V. S.; LUZ, M. T.; PRADO, S. D. Comer, alimentar e nutrir: categorias analíticas instrumentais no campo da pesquisa científica. Revista Ciência & Saúde Coletiva, v. 16, n. 1, p. 155-163, 2011.

CRUZ, A. C. P.; MELO, K. M.; BRITO, M. F. S. F.; Pinho L. Influência do comportamento dos pais durante a refeição e no excesso de peso na infância, Escola Anna Nery Revista de Enfermagem, v. 21, n. 4, p. 1-6, 2017

LEFEVRE, F.; LEFEVRE, A. M. C. Discurso do sujeito coletivo: representações sociais e intervenções comunicativas. Texto & Contexto Enfermagem, v. 23, n. 2, p. 502-507, 2014.

LUZ, M. T. Natural, racional, social: razão médica e racionalidade moderna. Rio deJaneiro: Fiocruz, Edições Livres, p.184 (Coleção Memória Viva), 2019.

PRADO, S.D. A pesquisa sobre Alimentos, Alimentação e Nutrição no Brasil: reflexões sobre a produção de conhecimento e saberes. Rio de Janeiro: Instituto de Nutrição, Uerj; 2005.

MALINA, A.; AZEVEDO, A. C. B.; VENDRUSCOLO, M. F. A concepção de obesidade e padrão corporal por mediações ideológicas da mídia, Pensar a Prática, Goiânia, v. 17, n. 2, p. 503-516, 2014.

RIGO, N. N.; MUSTIFAGA, R.; BOMBANA, V. B.; BERTONI, V. M.; CENI, G. C. Educação Nutricional com crianças residentes em uma associação beneficente de Erechim, RS. Vivências. V. l.6, n.11, p.112-118, 2010.

Downloads

Publicado

20-12-2023

Como Citar

Eduardo Eugênio Corrêa, Elisabete do Valle Marcello Simões, & Ana Paula Caetano de Menezes Soares. (2023). Uma visão biologicista sobre educação alimentar e nutricional: representações sociais e concepções de professores de ciências e biologia da rede pública de Barra Mansa/RJ. Congresso Brasileiro De Ciências E Saberes Multidisciplinares, (2). Recuperado de https://conferencias.unifoa.edu.br/tc/article/view/1042

Edição

Seção

Ciências da Saúde (exceto Medicina)