Condição Clínica dos Primeiros Molares Permanentes

Estudo em Crianças atendidas na Clínica de Odontopediatria do UniFOA

Autores

Palavras-chave:

Dentição Permanente, Cárie dentária, Erupção dentária, Dente molar

Resumo

O objetivo desse estudo foi avaliar a condição clínica dos primeiros molares permanentes das crianças atendidas na clínica de Odontopediatria do UniFOA, além de identificar os hábitos alimentares e de higienização oral, bem como transmitir instruções relacionadas a promoção de saúde bucal. Foi realizada uma entrevista com os pais sobre os hábitos alimentares, higienização bucal dos seus filhos, além de seus conhecimentos sobre a erupção dos primeiros molares permanentes. A seguir receberam um folheto informativo sobre saúde bucal. As respectivas crianças foram avaliadas clinicamente, para análise da condição dos primeiros molares permanentes. Como resultado parcial foram detectados: 14 crianças foram examinadas; o nível de escolaridade mais prevalente dos responsáveis foi ensino médio; 57,14% procuraram o dentista apenas quando tiveram dor ou algum problema; 28,57% escovavam os dentes, uma vez ao dia; 71,43% não utilizavam fio dental; 28,57% já tiveram experiência de cárie; baixo consumo de açúcar na alimentação. Concluiu-se que alguns hábitos merecem atenção, como a frequência de escovação, o uso do fio dental, pois, 28,57% das crianças já apresentaram experiência de cárie, portanto, o folheto com orientações pode ser uma boa ferramenta de educação em saúde bucal. Esse estudo foi submetido ao Comitê de Ética em Pesquisa, com nº CAAE 60070722.8.0000.5237 e aprovado em 02-11-2022.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

DUQUE, C.; TEIXEIRA, A.S.C.; RIBEIRO, A.A.; AMMARI, M.M.; ABREU, F.V.; ANTUNES, L.A.A. Odontopediatria - Uma Visão Contemporânea. São Paulo: Editora Santos, 2013.

DUTRA, G.B. ; NUNES, L.M.N. Prevalência de Cárie em Primeiros Molares Permanentes em Crianças de 6 A 12 anos da Clínica de Odontopediatria do Uniflu. Revista Interface – Integrando Fonoaudiologia e Odontologia, Campos dos Goytacazes, v. 2, n. 2, jul/dez. 2021.

GUEDES-PINTO, A.C. Higiene Bucodental em odontopediatria. In: GUEDES-PINTO, A.C. Odontopediatria. 9 ed. São Paulo: Editora Santos, 2016.

GUEDES-PINTO, A. C.; GUEDES-PINTO, E.; BRAGA, M. M.Desenvolvimento da dentição mista. In:

GUEDES-PINTO, A. C.; MELLO-MOURA, A. C. V. Odontopediatria. 9ed. Rio de Janeiro: Santos, 2017.

GUERRA, A.C. Prevalência da perda precoce de primeiros molares permanentes. 2015. 13p. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Odontologia)- Faculdade São Lucas, Porto Velho, 2015.

LEME PAES, F. A.; KOO, H.; BELLATO, C.M.; BEDI,G.; CURY, J.A. The Role of Sucrose in Cariogenic Dental Biofilm Formation – New Insight. J Dent Res., Chicago, v. 85, n. 10, p. 878-887, out. 2006.

PETRIK, J.A.; ZANCHIN, C.; SILVA, E.M.K.; CARVALHO, L.M.T.; SOUZA, J.G.M.V.; HELEN CRISTINA

LAZZARIN, H.C. Avaliação da Condição dos Primeiros Molares Permanentes em Crianças e Adolescentes Assistidas em um Projeto. Arquivos do Mudi, Maringá, v. 24, n. 1, p. 1-11, 2020.

PORDEUS, I.A.; AUAD, S.M.; HERMONT, A.P.; MARTINS, C.C.; PAIVA, S.M. Dieta e Flúor: da estratégia populacional à abordagem individual. In: PORDEUS, I.A.; PAIVA, S.M. Odontopediatria. São Paulo: Artes Médicas, 2013.

RITA, J.C.S. Prevalência de cárie nos primeiros molares permanentes em escolares da rede pública de Paulistas/MG: Agravos e consequências. 2017. 51p. Trabalho de Conclusão de Curso (Especialização em Atenção Básica em Saúde da Família)- Universidade Federal de Minas Gerais, Governador Valadares, 2017.

SOBRAL, E.R.; NASCIMENTO, V.D. Perda precoce de molares permanentes. 2017. 14p. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Odontologia)- Universidade Tiradentes, Aracaju, 2017.

SOUZA, J.G.M.V.; LAZZARIN, H.C.; NIEHUES, L.C.O.; OLIVEIRA, M.S. Conhecimento dos pais/responsáveis de escolares sobre a saúde bucal e cronologia de erupção dentária. Arquivos do Mudi, Maringá, v. 26, n.1, p.14-22, 2022.

TOLEDO, P.T.A.; FAVRETTO, C.O.; PEDRINI, D.; FARIA, M.D.; OLIVEIRA, D.C.; CUNHA, R.F. Incidência de cárie dentária em primeiro molar permanente. Análise clínica. Arch Health Invest, v. 4, n. 2, 25-380, 2015.

Downloads

Publicado

20-12-2023

Como Citar

Daniela Brandão da Silva, & Roberta Mansur Caetano. (2023). Condição Clínica dos Primeiros Molares Permanentes: Estudo em Crianças atendidas na Clínica de Odontopediatria do UniFOA. Congresso Brasileiro De Ciências E Saberes Multidisciplinares, (2). Recuperado de https://conferencias.unifoa.edu.br/tc/article/view/1018

Edição

Seção

Ciências da Saúde (exceto Medicina)

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)

1 2 > >>