Representações sociais acerca da saúde psíquica dos acadêmicos do ciclo básico do curso de Medicina do UniFOA

variantes psicológicas

Autores

Palavras-chave:

Representações sociais, Ensino médico, Medicina e humanidades, Saúde psíquica

Resumo

O estudo delimita como objeto as representações sociais acerca da saúde psíquica dos acadêmicos do ciclo básico do curso de medicina. Questiona-se: Quais são as representações sociais acerca da saúde psíquica dos acadêmicos do ciclo básico do curso de medicina do primeiro ciclo de uma universidade do interior do estado do Rio de Janeiro? Nesse contexto, acredita-se que os alunos recém ingressados no curso de Medicina da UniFOA estão propensos a desenvolver algum tipo de transtorno psicológico e isso, ao longo dos primeiros anos de adaptação, devido a uma série de fatores. Sendo assim, a pesquisa visa discutir quais são as representações sociais acerca da saúde psíquica dos acadêmicos do ciclo básico do curso de medicina, descrever sentimentos e emoções que atravessem o cotidiano desses estudantes e analisar as representações sociais dos referidos sujeitos.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

ARAÚJO, P.; FERNANDES, R. I. O Teste do Desenho da Figura Humana em Crianças Angolanas: Contribuições à Perspectiva da Psicologia Positiva. Psicologia: Ciência e Profissão, v. 35, n. 3, p. 855–869, set. 2015.

COUTINHO, R. E. T. As diferentes Ciências e um instrumento de construção epistemológica. Revista de Pesquisa Interdisciplinar, n. 2, p. 12, [s.d.],2019. Disponível em: <http://revistas.ufcg.edu.br/cfp/index.php/pesquisainterdisciplinar> Acesso em: 03.jun. 2020.

CRESWELL, J. W. Projeto de pesquisa métodos qualitativo, quantitativo e misto. Porto Alegre: Artmed Bookamn, 2010.

GARCIA, S. C. M.; NOVIKOFF, C.. Representações Sociais sobre o Tabagista na Saúde. Revista de Pesquisa Interdisciplinar, Cajazeiras, v. 1, Ed. Especial, 02- 19,set/dez. de 2016. Disponível: <http://www.revistas.ufcg.edu.br/cfp/index.php /pesquisainterdisciplinar/article/view/63/42>. Acesso: 10/06/2020..

LOUREIRO, E. et al. A relação entre o stress e o estilo de vida nos Estudantes de Medicina da Faculdade de Medicina do Porto. Acta Med Port., p. 6, [s.d.].

MARTINS, L. A. Residência Médica: Estresse e Crescimento. 1ª ed. São Paulo: Casa do Psicólogo, 2005.

MEDEIROS, M. R. B. et al. Saúde Mental de Ingressantes no Curso Médico: uma Abordagem segundo o Sexo. Revista Brasileira de Educação Médica, v. 42, n. 3, p. 214–221, set. 2018.

MOUTINHO, I. L. D. UNIVERSIDADE FEDERAL DE JUIZ DE FORA Programa de Pós-Graduação em Saúde Área de concentração Saúde Brasileira. p. 151, 2018.

NEVES, Dulce Amélia B. et al. Protocolo verbal e teste de associação livre de palavras: perspectivas de instrumentos de pesquisa introspectiva e projetiva na ciência da informação. Ponto de Acesso, v. 8, n. 3, p. 64-79, 2014.

NOVIKOFF, C. As Representações Sociais Sobre e Ensino Superior de Professores de Graduação da Área da Saúde. SÃO PAULO, p. 205, 2006. Disponível em: <https://tede2.pucsp.br/bitstream/handle/16296/1/PED%20-%20Cristina%20Novikoff.pdf> Acesso em: 02. Jun. 2020.

Downloads

Publicado

28-10-2022

Como Citar

Betina Nascimento Leis, Clara Ribeiro Mattos, Lara Almeida Pereira, Lorena Ferreira Fernandes de Souza, Sônia Cardoso Moreira Garcia, & Rhanica Evelise Toledo Coutinho. (2022). Representações sociais acerca da saúde psíquica dos acadêmicos do ciclo básico do curso de Medicina do UniFOA: variantes psicológicas. Congresso Brasileiro De Ciências E Saberes Multidisciplinares, (1), 1–9. Recuperado de https://conferencias.unifoa.edu.br/tc/article/view/157

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)